Menu

Primeiro pomar de araucárias enxertadas do Brasil está na UFPR

Pomar de araucárias (foto F. Zanette)

Curitiba, 05/10/2023 – O primeiro pomar de araucárias enxertadas do Brasil completou dez anos e está em franco crescimento, na Universidade Federal do Paraná. Em 2012 e 2013 foram plantadas 100 mudas de araucária enxertadas com diferentes cultivares. A atividade foi coordenada pelo professor aposentado Flávio Zanette, da UFPR, numa área de um hectare, dentro do Centro de Estações Experimentais do Cangüiri, da UFPR, no município de Pinhais.

Em 2023,  as plantas iniciaram o período reprodutivo, com formação de muitas pinhas.  E agora, em outubro, é o período de polinização. Por isso, podem ser vistas pinhas nos galhos muito próximos ao chão, além de grande quantidade de polen liberado pelas plantas (estróbilos masculinos).

O objetivo da pesquisa é provar que a araucária enxertada tem produção de pinhões mais rápida do que as que não são enxertadas, explica o professor Zanette. Segundo ele, o pomar prova exatamente isto e continua a ser fonte de pesquisas para estudantes de graduação e pós-graduação.

Redes Sociais

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Universidade Federal do Paraná
Setor de Ciências Agrárias
Rua dos Funcionários, 1540 - Juvevê
Fone: +55(41) 3350-5620/5800
Curitiba (PR), Brasil

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Setor de Setor de Ciências Agrárias
Rua dos Funcionários, 1540 - Juvevê
Fone: +55(41) 3350-5620/5800
Curitiba (PR), Brasil

Imagem logomarca da UFPR

©2023 - Universidade Federal do Paraná - Setor de Ciências Agrárias

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pelo Centro de Computação Eletrônica da UFPR